sexta-feira, 27 de junho de 2014

Férias da Lili - 1- Bauneário - SC

Balneário Camboriú tem sua origem cultural na base luso-açoriana. Entre as manifestações locais, estavam: Folguedo do Boi-de-Mamão, Cantorias de Terno-de-Reis, tecelagem em tear de pente-liço, cerâmica artesanal ou louçaria de barro, fabricação de farinha de mandioca em engenho, pesca artesanal de tainha, brincadeira do boi. Na gastronomia, estavam as derivações de pratos a base de do mar e farinha de mandioca, como a sopa de siri, pirão com peixe, tainha escalada (tainha cortada pelo dorso, salgada e seca ao sol, assada na grelha), sopa e bolinho de peixe, sardinha frita, em conserva ou a jato. Essas manifestações ainda são percebidas no Bairro da Barra e nas praias do sul.
Devido à migração de pessoas motivadas pela vida no litoral, a partir da década de 1960, houve um significativo aumento demográfico, agregando outras apropriações culturais às manifestações locais, contribuindo para a formação da diversidade cultural da cidade, principalmente na região central.
Hoje, é comum a prática de bocha na praia entre as pessoas de mais idade, e atividades aeróbicas como caminhada, corrida, passeios de bicicleta para os moradores da região central. Durante o verão, o município é tomado por turistas do Paraná, Rio Grande do Sul, Chile e Argentina, que, no alto verão, são em maior número que os próprios moradores. Além da praia, a vida noturna é bastante importante.
O município é conhecido nacionalmente pelos eventos de triatlo e semelhantes (como o Mundialito de Fast Triathlon e o Mundial de Mountain Bike).
A parte sul da cidade, bem como seus arredores, é muito conhecida pelas casas sertanejas e baladas mundialmente conhecidas, como a Green Valley.

Voltando das ferias!!

Olá meus queridos leitores ,

depois de um tempo  sem postar , por conta da estar sem tempo e com as ferias, estou voltando agora, trazendo  para vocês : 

  Dicas, humor, amor, amizade e o mais importante todo meu carinho para com vocês então vamos la ?

Liliane